O 1º Festival de Cinema Brasileiro Fantástico Online, que mistura “horror, ficção científica e fantasia”, “o real maravilhoso, o estranho, o absurdo e o afrofuturismo” em evento no YouTube, apresenta nesta terça (18) um debate bastante curioso. Deu a louca nos monstrinhos: horrores da infância vai ter a apresentação dos filmes A incrível aventura das sonhadoras crianças Contra Lixeira Furada e Capitão Sujeira, de Beatriz Ohana, Conte sua história ou entregue sua alma, de Andrea Avancini e Cenas da infância, de Kimberly Palermo. É às 19h e vão participar do debate Beatriz, Kimberly e Gleyson Spadetti (roteirista do Conte sua história ou entregue a sua alma).

O festival é “dedicado à celebração da produção do cinema brasileiro fantástico do século XXI”. Saiba mais aqui. Marcado inicialmente para encerrar nesta terça, o festival foi prorrogado até domingo (23). Até lá, podem ser assistidos, gratuitamente, curtas-metragens das mostras Realizadores Fluminenses e Inéditos do Brasil. Outro filme que também ainda dá tempo de assistir é Morto não fala, de Dennison Ramalho. O longa-metragem, que integrou a Mostra Retrospectiva, fica disponível até às 23h59 de quinta (20). Para conhecer um pouco da trajetória do diretor é só acessar à sessão comentada por Gurcius Gewdner, no IGTV do festival no Instagram @festivalfantastico.

Nesta terça, o evento, com apoio do Centro de Artes da Universidade Federal Fluminense, apresentará nesta terça uma masterclass com Fabrício Basílio, às 17h, com o tema Entre horrores e maravilhas: duas tendências do cinema brasileiro fantástico contemporâneo. Graduado em Comunicação e Audiovisual mestre em Comunicação pela UFF, ele vai abordar o tema sob a perspectiva do cinema brasileiro fantástico contemporâneo a partir de dois eixos temáticos: horrores do Brasil e maravilhoso e cotidiano. Também vai discutir o gênero fantástico no cinema e na literatura. Não é preciso se inscrever antecipadamente, só acessar o YouTube do Centro de Artes UFF.

>>> Saiba como apoiar o POP FANTASMA aqui

DEIXE UMA RESPOSTA