U.S Girls, já ouviu falar? Tem nome de banda, mas na verdade é um projeto de uma musicista canadense radicada nos EUA, Meghan Remy. A banda de Meghan existe há dez anos, mistura referências pop de maneira quase obsessiva – eletrônico, pós-punk, glam rock, punk, new wave – e já ganhou elogios de Iggy Pop por causa do disco mais recente, Half free, lançado em 2015. É o primeiro disco dela por um selo bacana, o 4AD, que lançou Pixies e Cocteau Twins nos anos 1980.

A novidade é que no dia 5 saíram single e clipe novo do U.S. Girls, Mad as hell. Olha só (e sim, sim, parece Blondie, tanto no arranjo lembrando Heart of glass, como na voz de Meghan).

Meghan e sua banda-de-uma-mulher-só estão em turnê (em julho, fizeram datas abrindo para Beth Ditto, que recentemente lançou o bom disco solo Fake sugar). E Meghan é das antigas. Ela tem até Instagram, mas não está tão atualizado assim, e ela prefere mesmo é o blog dela do Blogspot (!), para postar fotos e zoações.

Cada pedaço de turnê dela ganha uma arte diferente – nessa aqui ela resolveu dar uma chocada em setores mais tradicionalistas.

Pensei logo na capa de Lodger, disco de 1979 do David Bowie, quando vi essa foto.

Quando saiu Half free, saiu essa foto divulgando o LP.

E essa é a homenagem dela a Kimono my house, disco clássico ao extremo dos Sparks, lançado em 1974.

1 Comentário

DEIXE UMA RESPOSTA