Conhece Blag Dahlia? Se sua resposta for não, então você provavelmente não tem nenhum apreço por punk rock. Há mais de 30 anos ele é o vocalista do Dwarves, banda hardcore casca grossa que se notabilizou por seus shows repletos de violência (foram inúmeras as vezes em que a banda baixou o sarrafo na plateia), sexo, uso de drogas e demais baixarias.

Os Dwarves ficaram famosos também por terem feito uma brincadeira de gosto duvidoso com a ex-gravadora Sub Pop, enviando um comunicado oficial à imprensa pouco antes de o selo lançar o álbum Sugarfix, onde diziam que iriam acabar porque o guitarrista da banda (o mascarado HeWhoCannotBeNamed) havia sido morto com uma facada numa briga em um bar na Filadélfia.

No tal comunicado havia até um endereço para onde você poderia fazer “homenagens póstumas” ao músico em questão, ou enviar flores aos seus familiares. Mas tudo não passava de fake news pra divulgar o Dwarves e o trabalho em questão. Isso deixou os responsáveis pela Sub Pop tão constrangidos e irritados que acabaram optando por demiti-los.

Porém, apesar desse currículo, Blag tornou-se mais conhecido por um fato no mínimo curioso. Ele gravou uma música para o desenho do Bob Esponja chamada Doing the sponge.

Em entrevista para o site New Noise, Blag (nome artístico de Paul Cafaro) explica que o convite rolou porque a esposa do recentemente falecido criador do desenho, Stephen Hillenburg, era muito amiga de Salt Peter, ex-baixista do Dwarves. Salt, não custa lembrar, é o cara de dreads que sai no tapa com os fãs nesse vídeo de 1992.

O sonho de Stephen era contratar os Cramps para fazer uma música para um episódio, mas eles esbarravam num pequeno problema: o orçamento do desenho na época era mínimo, já que Bob Esponja ainda estava engatinhando na primeira temporada e ainda estava bem longe de ser o sucesso que é hoje. Envergonhada, a esposa de Stephen perguntou para Salt Peter se poderia fazer a canção de graça. E ele topou ajudar.

Animado, ele escreveu a letra rapidamente e pediu para Blag Dahlia fazer os vocais. Blag, como é fã de desenhos animados e sempre sonhou trabalhar na área, não pensou duas vezes. “Salt comentou que eles queriam um vocal que imitasse Lux Interior e eu respondi ‘Moleza! Já venho fazendo isso há anos mesmo!'”, disse nessa mesma entrevista.

Os dois gravaram a canção de forma precária em uma mesa de 4 canais, em menos de 30 minutos. E, algum tempo depois, o episódio com Doing the sponge foi ao ar. Talvez pelo inusitado, a música fez bem mais sucesso que o esperado, tanto que até hoje tem fã que pede para tocá-la nos shows. “É engraçado, passei mais de 30 anos no showbusiness e quase ninguém me conhecia, aí fiz um favor para um amigo e me tornei mais respeitado e admirado por isso do que por tudo que fiz antes”, contou Blag.

E olha a música aí.

E Blag Dahlia não foi o único. Quem também compôs uma música para o Bob Esponja foi o Ween. Intitulada Loop de loop, ela apareceu em um episódio da segunda temporada onde o caracol de estimação do querido personagem amarelo lhe ensinava a amarrar os sapatos(!!) e também se tornou presença garantida nos shows. A banda também não cobrou nada para fazer a canção, pois Stephen Hillenburg era muito fã deles e chegou a dizer em entrevistas que uma grande inspiração para fazer o desenho foi o álbum do Ween The mollusk. Eis a canção.

Por sinal, Ocean man, do The mollusk, foi usada em 2004 em Bob Esponja, o filme.