Patrocinado pela empresa de baterias Tama há vários anos, e prestes a cair na estrada com sua banda Call The Police (na qual toca covers do Police ao lado do ex-Barão Vermelho Rodrigo Santos, no baixo, e de um ex-Police, o guitarrista Andy Summers), João Barone vai resgatar para a turnê uma peça raríssima de sua coleção. Ele encontrou a bateria Tama Imperialstar que começou a montar quando começou a gravar com os Paralamas do Sucesso, e vai usá-la no giro com o Call The Police. Que, além de vários lugares do Brasil, passa também por Argentina e Chile. Olha aí.

https://www.instagram.com/p/BhzMQZkALCd

E ele tá resgatando a história de seu instrumento de estimação em posts do Instagram dele, @joao.barone_oficial. Começou com esse post.

https://www.instagram.com/p/Bhw3IpqAE8d

Muita gente ficou várias noites sem dormir quando viu João Barone, por volta de 1984/1985, batendo nuns tambores meio esquisitos, tanto no Rock In Rio quanto nas idas dos Paralamas do Sucesso a programas como o Globo de Ouro. Se você nunca soube o que eram essas peças de bateria, tá aí.

https://www.instagram.com/p/Bhw3r08AurS/

Pouco antes do Rock In Rio, a banda foi pra Nova York. Barone voltou com essas raridades aí.

https://www.instagram.com/p/BhxCU64gpvD

Um pouco da história da Tama. João Barone, autor de livros e de um documentário, é bom nesse lance de contar histórias.

https://www.instagram.com/p/Bhw3fnWgKca

Nem uma baita chuva derrubou a bateria.

https://www.instagram.com/p/BhxCbxngSNG

O “kit do Rock In Rio” ficou guardado por vários anos numa loja e foi esquecido. Mas foi encontrado, finalmente.

https://www.instagram.com/p/BhxCm1zA09K/

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here