A expressão “turn me on dead man” vem das teorias da conspiração ligadas aos Beatles e à suposta morte de Paul McCartney nos anos 1960 – tem quem diga que é como soa o “number 9, number 9, number 9” do começo de “Revolution 9”, se escutado ao contrário. E é o nome de uma banda de San Francisco que mistura (em doses iguais) heavy metal e psicodelia. O que interessa para eles, como os próprios dizem no release da banda, é levar os ouvintes para um lugar onde “rock é a religião, e essa religião soa em alto volume!”

Mykill ZIggy (guitarra, voz, bass, teclados e lasers), Nick Doom (guitarras), Christopher Melville Lyman (bateria, percussão e vocais) e Attis Ngo (baixo e teclados) lançaram o segundo disco em 2016, “Heavymetal mothership”. Nem estiveram presentes nas listas de melhores álbuns do ano passado – e mereciam ter entrado em todas elas. Do álbum, destacamos a pérola stoner “Master planet + Mother star + Secret moon”.

Conheça os outros discos aqui. E se você ficou curioso com aquela história do “number 9” ao contrário, segue um vídeo aí embaixo, demonstrando. Acredite… se quiser.