Com saudades dos velhos discos de 78 rotações? Bom, vai ver você nunca nem viu um disco desses na vida nem tem idade para ter visto, mas lá vai: lá nos Estados Unidos, o Great 78 Project está caçando discos em 78 rotações perdidos por aí, com o intuito de digitalizá-los e preservá-los. O projeto é uma criação do Archive.org, da empresa de preservação de áudio e vídeo George Blood e do Arquivo da Música Contemporânea. Eles já têm 200 mil discos, vão digitalizando todos e colocando nas redes sociais e vão trabalhando aos poucos.

“Entre 1898 a 1950, cerca de 3 milhões de lados de discos (~ 3 minutos de gravação) foram feitos em 78 rpm. Embora as gravações comercialmente viáveis tenham sido restauradas ou remasterizadas em LP ou CD, ainda há valor de pesquisa nos discos, e na evidência de uso nos raros discos e gravações de 78rpm”, dizem eles num comunicado.

Olha só alguns deles aí, incluindo trilhas, discos de jazz, música clássica, etc.

https://www.instagram.com/p/BVF9jFLhPIn/

https://www.instagram.com/p/BXqxzYABK5e/

https://www.instagram.com/p/BXGyE61BOgn/

Se você quiser dar aquela mão amiga pro projeto, pode ajudar a divulgar, doar discos ou até digitalizar sua coleção e mandar para eles. Eles afirmam que os discos doados serão preservados.

Via Laughing Squid

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here