De 2003 a 2009, quando encerrou atividades, a banda punk feminina californiana Mika Miko soltou uma discografia bem numerosa. Entre EPs, singles, fitas cassete e LPs, foram onze lançamentos. Hoje as irmãs Jennifer e Jessie Clavin, que integravam o grupo, têm outra (excelente) banda, Bleached, cujo segundo álbum, “Welcome the worms”, é (opinião do POP FANTASMA) um dos melhores discos de 2016. Mas o Mika Miko garantiu bastante espaço e fãs para os projetos das meninas, graças às suas letras críticas e a devoção a boas melodias com poucos acordes. O segundo disco das garotas, “We be Xuxa”, saiu em 2009 pelo selo Post Present Medium, após um EP pela histórica Sub Pop. Tinha doze faixas bem curtas e nenhuma música com o nome do disco.

Bom, o nome do disco é “We be Xuxa”, enfim: o que é que uma banda formada na Califórnia teria a ver com a rainha dos baixinhos? Ou será que “xuxa” é alguma gíria punk recorrente nos Estados Unidos?

Mika Miko: A banda punk californiana que homenageou Xuxa num disco

Surpresa: o título do disco é sim uma homenagem a Xuxa. Mais: não fosse pela cantora de ‘”Ilariê” ter resolvido gravar um programa nos Estados Unidos nos anos 1990, talvez o nome do disco fosse outro. A guitarrista da banda, Michelle Suarez, na infância, ficou obcecada pelas músicas de Xuxa, que praticamente foi obrigada a ouvir por causa dos pais, argentinos. “Eles ficavam de saco cheio de me ver assistindo a MTV e dançando ao som de ‘I’m too sexy’ (do Right Said Fred) ou qualquer outra coisa dessas. Daí eles começaram a botar músicas da Xuxa porque dava para dançar, e em pouco tempo eu estava obcecada por ela”, recordou aqui.

“Eu ‘fui’ Xuxa uma vez”, contou a vocalista e tecladista Jenna Thornhill na mesma entrevista.”Tinha uns eventos depois da escola para crianças judias, e isso durou a maior parte da minha infãncia. Um dia, Xuxa estava gravando o programa infantil dela em Los Angeles e o centro comunitário judaico todo foi assistir. Foi louco. Foi a primeira vez que eu estava na plateia para algo do tipo, e isso me faz ter lembranças profundas. Então todas nós ‘somos’ um pouco Xuxa”.

Ficou curioso para conhecer o som das meninas? Pega aí “We be Xuxa”.

E aproveite para incluir na sua trilha sonora o mais recente disco do Bleached, das duas irmãs que integravam o Mika Miko.