Nos anos 1980, pode acreditar: a Band tinha um núcleo até que bem fortinho de teledramaturgia. A emissora lançava atores como Selton Mello, que começou atuando em novelas por lá. E reaproveitava elenco e equipe de ex-globais. Durante um tempo a Band teve predileção especial por apostar no público infanto-juvenil, Saíam produções como Os adolescentes, cujo elenco era composto majoritariamente por garotos e garotas de 20 e poucos anos interpretando adolescentes. E Braço de ferro – essa última escrita pelo ator Marcos Caruso.

Braço de ferro foi ao ar originalmente entre maio e julho de 1983. E já foi reprisada pela Band algumas vezes (e tinha Selton Mello no elenco). Dela, dá para dizer uma coisa básica: é a única vez em que o power pop chegou à abertura de uma novela no Brasil. O tema de abertura, escrito por Sergio Sá e gravado por um grupo chamado XK, poderia estar no repertório de uma banda como The Motors ou The Records. Lógico que com algumas modificações aqui e ali, já que os vocais parecem ter sido realizados por uma turma especializada em jingles. Olha aí.

“A RGE me chamou, através do Hélio Costa Manso (executivo da gravadora e músico) para criar esse tema. Houve realmente todo um envolvimento. Eu peguei a sinopse, criei a música e eles pediram alterações na letra. Essa foi mais trabalhada, porque eles acreditavam muito na novela. E o Projeto XK era um grupo de rock que eu estava produzindo na época”, contou Sérgio sobre a música do Braço de ferro ao livro Teletema: volume I: 1964 a 1989, de Guilherme Bryan e Vincent Villari.