Adiada em vários momentos, a autobiografia de Ronnie James Dio chega às livrarias (pelo menos lá fora) no dia 27 de julho. Rainbow in the dark: The autobiography, sai pela editora Permuted Press.

Ronnie, morto de câncer de estômago em 16 de maio de 2010 aos 67 anos, havia começado o trabalho ao lado do conhecido biógrafo Mick Wall, que escreveu livros sobre bandas como Metallica, Guns N Roses e Led Zeppelin. Com a morte do cantor, Mick continuou o trabalho e lembrou temas como o início de Dio na música, sua chegada a banda como Rainbow e Black Sabbath, suas brigas com Richie Blackmore e Tony Iommi, e o estabelecimento de sua própria banda, o Dio.

Wendy, viúva de Dio, recorda (via Blabbermouth) que o cantor trabalhou no livro escrevendo à mão, como era de costume no seu trabalho. “Ele não fazia nada no computador. Então ele escrevia à mão e depois me entregava. Eu dava para minha assistente, ela digitava”, conta. “Ele era um contador de histórias. Ronnie sempre foi um contador de histórias”.

 

Tem autobiografia de Ronnie James Dio vindo aí