Enquanto todo mundo discute a volta dos Trapalhões, tem muita coisa legal para ver de fases anteriores do programa na web. A página Mussum Sinceris recordou há pouco tempo um momento esquecido dos anos 1980 em que os personagens Didi (Renato Aragão) e Dedé (Dedé Santana), batem fundo no lado politicamente incorreto que muita gente pergunta se vai voltar na nova versão do programa. Os dois vão presos por roubar galinhas e na cadeia, começam a filosofar sobre ladrões pés-de-chinelo, ladrões de verdade e… política. “Política é a arte de fazer legalmente tudo ilegal”, opina Didi, fazendo Dedé resolver se candidatar (!). E aí, vale pra hoje?

No momento, a novidade é que os Trapalhões vão retornar no dia 17 de julho pelo Canal Viva e em agosto na própria Globo, com elenco novo. Lucas Veloso, filho de Shaolin, é o ‘Didico’, Bruno Gissoni é o ‘Dedeco’, Mumuzinho, ‘Mumu’, e Gui Santana, do ‘Pânico na Band’, fará o papel de ‘Zaca’. Além dos quatro novatos, o elenco tem os próprios Didi e Dedé ensinando como é ser um trapalhão, Nego do Borel como Tião, originalmente vivido por Tião Macalé (1926-1993), do bordão “Ih, nojento, tchan!”, e Ernani Moraes como Sargento Pincel, papel que era de Roberto Guilherme.