Quase cinco anos depois de “Battle born” (lançado em setembro de 2012), The Killers vêm aí com seu quinto disco. O vocalista Brandon Flowers bateu um papo com a revista “Q” e disse que vai ter peso na história. “Há momentos em que sentimos que o som está mais pesado do que tudo que fizemos. Não que sejamos a banda mais pesada do mundo, as músicas têm até um aspecto mais fino, por causa da nossa experiência”, contou o músico.

Não há ainda um nome para o disco, que está sendo gravado desde setembro em Las Vegas, San Diego, Los Angeles e Joshua Tree com o produtor Jacknife Lee (U2). Flowers revelou que há músicas com nomes como “Rut” (“estamos bastante felizes em ver como ela está ficando”, disse) e “Run for cover”, que foi feita na época do terceiro disco do grupo, “Day and age” (2008). “Começamos a mexer nela com o produtor Stuart Price e tem um pouco da cara dele ainda. Mas a estamos trazendo para a nossa cara de hoje, com outro produtor. Nunca tinha terminado a letra e estou acabando”, conta.

E tem outra chamada “Tyson vs.Douglas”, cujo nome vem da luta entre Mike Tyson e Buster Douglas em 1990 – considerada uma das maiores de todos os tempos e vendida como o retorno de Tyson. “Não sei por que, mas penso muito nisso e finalmente consegui colocar o assunto em letra de música”, diz.