Connect with us

Desenho animado

Jogaram os discos Muzik for Insomniaks, de Mark Mothersbaugh (Devo), no YouTube

Published

on

Jogaram os discos Muzik for Insomniaks, de Mark Mothersbaugh (Devo), no YouTube

Se em algum momento você se divertiu com seu filho ouvindo a trilha do desenho Rugrats, agradeça à existência de Muzik for insomniaks, par de discos lançados em 1985 por Mark Mothersbaugh (Devo). Ambos foram jogados recentemente no YouTube, por sinal.

Gravado em 1985 no estúdio da banda, com Mark fazendo todos os teclados e arranjos, o par de discos saiu primeiro em K7  e, três anos depois, em CD pela Rykodisc. E acabou chegando aos ouvidos de Gabor Csupo, criador da série. Ele ligou para Mark e pediu autorização para usar as músicas. Mothersbaugh se reuniu com Csupo e fez uma contra-proposta: a de fazer uma trilha original para a série. Daí veio a ligação duradoura do músico com os Rugrats.

Advertisement

Mothersbaugh, naquela época, chegou a receber os criadores da série em seu estúdio, e ia compondo enquanto eles desenhavam e lhe mostravam os personagens. Daí foram surgindo músicas como o tema de abertura da série, além dos efeitos sonoros usados na produção.

Num papo com o site Splitsider, Mothersbaugh lembra que a composição de todas as canções foi bem rápida – algumas delas foram feitas com teclados de 8-bits como o Fairlight II. E algumas composições foram inspiradas pelo trabalho em dupla de Gershon Kingsley e Jean-Jacques Perrey (você já leu sobre eles no POP FANTASMA).

Advertisement

Cultura Pop

Quando a Hanna-Barbera fez o seu Holiday On Ice

Published

on

Quando a Hanna-Barbera fez o seu Holiday On Ice

Especiais de patinação no gelo, ainda mais na TV, têm sua enorme dose de cafonice. É só pensar em programas furados como o Ice Capades (cuja contribuição mais robusta à história da música pop foi terem influenciado os Ramones), o Holiday On Ice, o Disney On Ice e até mesmo o show de horror que era o musical do Super Bowl antes de começarem a contratar apresentações musicais.

O que muita gente mal se recorda é que não foi só a Disney que investiu em atrações no gelo. A Hanna-Barbera também teve seu especial de aventuras geladas em 13 de janeiro de 1978. Hanna Barbera All Star Comedy Ice Revue foi ao ar pela CBS e chegou a sair em VHS uns anos depois (em DVD e Blu-Ray, nunca). Era aquele tipo de “atração para toda a família”, com pessoas fantasiadas de personagens da Hanna-Barbera (algumas pareciam aqueles integrantes da Turma da Mônica mal desenhados) e mais os benditos números no gelo, que não necessariamente tinham a ver com os personagens. Aliás, tinha participação do Dom Pixote, do Tutubarão, do Zé Colmeia e de vários outros.

>>> Veja também no POP FANTASMA: Overton Loyd: Parliament em desenho animado

Os dubladores de cada personagem também participam, e rolam aparições de nomes como The Sylvers, os comediantes britânicos Mike Course e Bob Young e o patinador de gelo Sashi Kuchiki. Quem também fez uma aparição foram os Skatebirds, uma breve atração de live-actions apresentada pela Hanna-Barbera entre 1977 e 1980.

Olha aí o especial inteiro.

Advertisement

Uma matéria do site AV Club foi um tantinho mais irônica com o especial, afirmando que “sem ousar oferecer qualquer explicação farmacêutica possível para o conteúdo do especial, é difícil imaginar qualquer tipo de estudo demográfico que determinasse que o público da TV em 1978 clamava por um programa que misturasse comédia, música country, shows da Broadway, R&B, disco, patinação no gelo”. Eles também separaram uns trechos do especial. Olha aí.

>>> Veja também no POP FANTASMA: Tom waits for no one: o “desenho animado erótico” de Tom Waits

>>> Saiba como apoiar o POP FANTASMA aqui. O site é independente e financiado pelos leitores, e dá acesso gratuito a todos os textos e podcasts. Você define a quantia, mas sugerimos R$ 10 por mês.

Advertisement

Continue Reading

Desenho animado

O hotel da Nickelodeon

Published

on

O hotel da Nickelodeon

A não ser que você seja fanático por viagens (e tenha grana para sair do Brasil, o que evidentemente não é possível fazer agora) ou tenha filhos que passem o dia vendo TV, ou seja fanático por desenho animado, você se bobear nunca soube disso: o canal Nickelodeon montou um hotel na década retrasada.

O empreendimento foi montado em hotéis Holiday Inn em Orlando, começou a apresentar características típicas de negócio montado às pressas, e fez areia em alguns anos. A ideia foi se aproveitar do sucesso enorme que os personagens do canal estavam fazendo coma criançada. Especialmente o Bob Esponja, que em pouco tempo começou a ganhar ares de Mickey Mouse do canal.

>>> Veja também no POP FANTASMA: Halyx: quando a Disney lançou uma banda de rock inspirada em Star Wars

O canal Defunctland conta em vinte e poucos minutos (em inglês, com legendas automáticas em inglês e português) as histórias do hotel da Nickelodeon. E revela que o tal hotel da Nickelodeon esteve longe de ser um empreedimento feito no mesmo 100% de profissionalismo dos projetos da Disney.

Para começar, os personagens da Nickelodeon, com olhos enormes e caras largas, eram bastante complicados de serem transformados em fantasias para serem usadas por atores. O mais fácil era imaginar crianças apavoradas com o visual anfetaminado dos bonecos. Os preços das hospedagens também não eram dos mais convidativos. O hotel depois se mandou para Punta Cana, na região da República Dominicana, e depois abriu um outro no México. Os dois endereços ainda existem, inclusive.

Advertisement

>>> Saiba como apoiar o POP FANTASMA aqui. O site é independente e financiado pelos leitores, e dá acesso gratuito a todos os textos e podcasts. Você define a quantia, mas sugerimos R$ 10 por mês.

Continue Reading

Cultura Pop

Zig & Zag: cultura pop para crianças

Published

on

O programa Zig & Zag, animado por dois fantoches no estilo Muppets, surgiu em 1987 na emissora irlandesa RTÉ. Os dois bonecos, cujos nomes verdadeiros são Zigmund Ambrose Zogly e Zagnatius Hillary Zogly, são dois gêmeos extraterrestres peludos, vindos do planeta Zog. O sucesso da dupla foi tão grande que invadiu o Reino Unido, quando, em 1992, foram parar na mesa de debatedores do matutino The Big Breakfast, do britânico Channel 4.

Os dois “interpretavam” vários personagens na TV da Irlanda (como o Capitão Joke e o Capitão Fronha), e quando foram para a Inglaterra, passaram a fazer também entrevistas com artistas. Olha eles aí com o Aerosmith.

Lembra da Patra, aquela cantora de reggae jamaicana que fez o maior sucesso nos anos 1990 (e cantou até com o Cidade Negra)? Olha eles aí batendo um papo com ela.

Advertisement

>>> Veja também no POP FANTASMA: The Point!: Harry Nilsson para crianças

Quando ainda era a Posh Spice das Spice Girls, Victoria Beckham também enfrentou os dois.

Em 1993, foi a vez do Blur. Os dois bonecos ficaram no The Big Breakfast entre 1992 e 1998, e retornaram para mais uma aparição em 2002.

Advertisement

O carisma dos dois bonecos, manipulados pela dupla Ciaran Morrison e Mick O’Hara, era tão grande que foram parar na MTV Europa. Entre 1994 e 1995 foi ao ar o Zig & Zag show, na emissora. Em 1998, o programa acabou indo parar em outra emissora britânica, a ITV.

Na MTV, obviamente, o programa era repleto de atrações que uniam entretenimento infantil e música – tranquilo em se tratando de uma dupla de bonecos que já “conversava” com músicos. E a gente começou a fazer esse texto só para mostrar a você Zig & Zag imitando Elvis Presley, e cantando sucessos.

>>> Veja também no POP FANTASMA: “Grande presença!”: Bezerra da Silva canta “A Semente” para crianças

Olha eles aí cantando Epic, do Faith No More, com voz de rei do rock.

O mesmo com Black hole sun, do Soundgarden.

Advertisement

E Sabotage, dos Beastie Boys.

>>> Saiba como apoiar o POP FANTASMA aqui. O site é independente e financiado pelos leitores, e dá acesso gratuito a todos os textos e podcasts. Você define a quantia, mas sugerimos R$ 10 por mês.

Advertisement
Continue Reading
Advertisement

Trending