Lá pelo começo dos anos 1980, Andy Warhol apresentava um programa chamado Andy Warhol’s TV, onde (do alto de sua timidez) batia papo com convidados, numa escala de ia da moda à música. A turma do Blondie passou por lá, assim como Divine, Mariel Hemingway, Steven Spielberg e uma galera saída direto dos antigos trabalhos do homem de mídia.

Andy começou apresentando a atração na Manhattan Cable TV em 1980, e no último ano do programa (1983), transferiu-se para o canal Madison Square Network. Continuou recebendo uma galera variada a ponto de incluir Bianca Jagger, Duran Duran, o senador Daniel Patrick Moynihan, Sting e os Sparks. Cada programa era bem curtinho (na última fase, tinha 9 minutos) e as aparições eram rápidas.

No sexto episódio, uma (er) inimizade de anos surgiu na tela da TV: Warhol recebeu ninguém menos que Frank Zappa, que foi entrevistado por um de seus fãs mais ilustres, Richard Berlin, ao lado de Warhol. O anfitrião do programa, por sinal, quase não chegou a entrevistar o roqueiro. Passou boa parte do tempo olhando para Zappa com cara de perplexidade. E talvez lembrando de coisas do passado.

Voltando a 1967, tanto o Velvet Underground (apadrinhados por Warhol) quanto Zappa (com seu grupo Mothers Of Invention) eram contratados do selo Verve, que resolvera abraçar o rock “psicodélico” e não se prender apenas ao jazz.

Uma entrevista bizarra de Andy Warhol com Frank Zappa

A gravadora acabou investindo bem mais em Zappa do que no Velvet, que era “incomprensível” e, nas lembranças de John Cale, fundador do VU, já contava com o apoio de Warhol. Mas o pior mesmo, no entender de Warhol, eram as lembranças de um show de 3 de maio de 1966 em San Francisco, onde Velvet e Mothers dividiram o palco com estes abrindo para os primeiros. O caso virou coisa séria para Warhol, que chegou a falar do assunto em seu livro Diaries, de 1989 e ainda disse o que pensou de Zappa após a entrevista.

“Acredito que após a entrevista eu o odiei ainda mais do que nunca. Ele foi muito infantil quando sua banda tocou com o Velvet – eu penso na viagem a Los Angeles e no Fillmore em San Francisco. Eu o odiava então e agora ainda não vejo nada de mais nele”, recordou, lembrando também que fez um elogio à Moon Unit, filha de Zappa, e estranhou a reação do artista. “Ele agiu de maneira muito estranha sobre Moon. Eu disse a ele como ela era ótima e ele disse: ‘Ouça, ela é minha criação. Eu a inventei’. Algo como: ‘Ela não é nada, na verdade eu estou por trás disso’. Penso que se ela fosse minha filha, eu diria: ‘Gente, que menina’, mas ele levou toda a honra para si próprio. Muito estranho”.

No tal show de 1966, o Velvet foi recebido de maneira fria pela plateia, cheia de hippies. Jimmy Carl Black, baterista dos Mothers, chegou a lembrar que gostou de ver Moe Tucker tocando bateria, mas que não lembrava de Zappa avisando que o Velvet entraria no palco depois dos Mothers. “Ele realmente não gostava da banda. Por quais razões eu realmente não sei, exceto que eram drogados e Frank simplesmente não podia tolerar nenhum tipo de droga. Não era um sentimento que eu tinha, nem o resto da banda. Achei tudo muito bom, especialmente Nico, por quem me apaixonei secretamente”, disse.

O mais complexo aconteceu em 23 de outubro de 1967, quando o Velvet, com Nico, tocou em Nova York, igualmente dividindo o palco com os Mothers. E Zappa decidiu zoar a cantora entre um set e outro. Subiu no palco e usou o órgão dela para fazer uma paródia das canções que ela tocava com o Velvet.

“Ele passou as mãos indiscriminadamente no teclado de maneira total e atonal, e gritou no topo de seus pulmões, fazendo uma caricatura do set de Nico, que era o que ele acabara de ver. As palavras de sua canção improvisada eram nomes de vegetais como brócolis, repolho, aspargos… Essa ‘música’ continuou por mais ou menos um minuto e então parou de repente. Ele saiu do palco e o show seguiu em frente. Foi uma das maiores peças de teatro rock ‘n roll que eu já vi”, afirmou o jornalista Chris Darrow, da revista Kaleidoscope.

E o tal papo de Warhol com Zappa, como foi? Bom, Frank Zappa não estava num de seus dias mais bem humorados e meio que deu uma ignorada no apresentador, que por sinal não fez questão de entrar no papo. Frank conversou apenas com o fã-entrevistador sobre a não-relação que ele tinha com seus fãs doentes, daqueles que decoravam cada linha de suas músicas e compravam tudo o que saía. “Não estou perto de pessoas assim, só sei que existem”, contou Zappa, lembrando de um fã, professor de escola, que o seguia pelas ruas e “cheirava até os lugares onde meus pés passavam”, conta.

Tá aí embaixo.

Veja também no POP FANTASMA:
– Grace Jones e Andy Warhol mandam um “você sabe onde estão seus filhos?” na TV novaiorquina
– Descobriram uma fita com doze músicas inéditas de Lou Reed, enviadas para Andy Warhol
– Andy Warhol: o documentário banido da TV
– Ué, Andy Warhol fez pinturas para crianças?

Warning: A non-numeric value encountered in /home/popfantasma.com.br/public/wp-content/themes/Newspaper/includes/wp_booster/td_block.php on line 326 Call Stack: 0.0000 397392 1. {main}() /home/popfantasma.com.br/public/index.php:0 0.0001 397680 2. require('/home/popfantasma.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/popfantasma.com.br/public/index.php:17 2.3537 10735480 3. require_once('/home/popfantasma.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/popfantasma.com.br/public/wp-blog-header.php:19 2.3657 10832560 4. include('/home/popfantasma.com.br/public/wp-content/themes/Newspaper/single_template_3.php') /home/popfantasma.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:78 2.5746 11389264 5. locate_template() /home/popfantasma.com.br/public/wp-content/themes/Newspaper/single_template_3.php:52 2.5747 11389376 6. load_template() /home/popfantasma.com.br/public/wp-includes/template.php:671 2.5747 11389824 7. require_once('/home/popfantasma.com.br/public/wp-content/themes/Newspaper/loop-single-3.php') /home/popfantasma.com.br/public/wp-includes/template.php:722 2.6042 11416696 8. td_module_single->related_posts() /home/popfantasma.com.br/public/wp-content/themes/Newspaper/loop-single-3.php:35 2.6044 11418952 9. td_block_related_posts->render() /home/popfantasma.com.br/public/wp-content/themes/Newspaper/includes/wp_booster/td_module_single_base.php:906 2.6846 11833072 10. td_block_related_posts->get_block_pagination() /home/popfantasma.com.br/public/wp-content/themes/Newspaper/includes/shortcodes/td_block_related_posts.php:45