Quando criança, Amanda Longo – da dupla Lovnis, que ela divide com o namorado Murilo Sá – adorava brincar no subsolo da casa dos pais, na cidade de Francisco Beltrão (Paraná). Logo no começo da pandemia, o casal foi passar a quarentena por lá e, com o projeto de dupla musical formado, decidiu voltar ao porão, super escuro, para gravar um clipe bem assombroso (e em formato de curta-metragem no estilo “cinema mudo”) para o novo single dos Lovnis, Filme de terror.

“O subsolo é um lugar insalubre e assustador, utilizado como depósito de ferramentas e materiais de construção. Desde de criança tinha vontade de brincar lá, mas morria de medo. No início do clipe tem a cena de um castelo que filmamos na Alemanha, a ideia era criar a impressão de que tudo aquilo se passava dentro do castelo do Conde Drácula”, brinca Amanda.

HISTÓRIA ALEATÓRIA

Murilo, que aliás já havia aparecido no POP FANTASMA APRESENTA com seu mais recente single solo, Previsão do tempo, conta que a ideia de gravar lá não nasceu de imediato. Com a música pronta, a dupla ainda havia feito uma noite de brainstorm, a fim de decidir como seria o clipe do Lovnis.

“Ficamos bolando ideias para o clipe, e percebemos que o subsolo da casa onde estávamos era perfeito para filmar. A narrativa criada foi concebida de maneira quase aleatória. Reunimos os objetos de cena que encontramos pela casa e pensamos como poderíamos contar alguma história com aqueles elementos. Uma enxada, velas e castiçais, um cálice de zinco, um espelho antigo, um vestido de noiva, maquiagem, e tudo mais que fomos achando pelo caminho. Uma vez que a música se chama Filme de terror, seguimos por esse caminho naturalmente”, explica.

ENXURRADA DE CANÇÕES

Murilo e Amanda vinham descobrindo afinidades musicais e nesses últimos meses de isolamento compuseram várias canções juntos. O material ficou grande a ponto dos dois já começarem a pensar num álbum do Lovnis, que deve sair no começo do ano que vem. Em 2020 já havia saído um primeiro single (aliás chamado 2020) e em breve sai outro, já com lyric video.

“Lá no começo da pandemia, começamos a compor e foi aquela enxurrada criativa. Inventamos umas 15 músicas em sei lá, dois meses? Agora estamos produzindo algumas das que selecionamos. Só que, eventualmente, durante uma gravação e outra, nasce uma nova ideia e a gente não impede. Só vamos alimentando e dando asas”, conta Amanda.

“Acho que a ideia é reunir todo esse material no nosso disco de estreia, depois de lançar alguns singles e sempre acompanhados de videoclipes pois a gente adora esse processo”, complementa Murilo, que aliás também prepara um quarto disco solo para o começo de 2021.

Mais POP FANTASMA APRESENTA aqui.