O Phantogram é uma atração bastante recente, mas já é experiente no que diz respeito ao festival Coachella. No dia 14 de abril, a dupla novaiorquina de indie-electro completou seu terceiro ano de apresentações por lá. Josh Carter (voz e guitarra) e Sarah Barthel (voz e teclados) já têm três discos e quatro EPs , além de dois EPs lançados entre 2007 e 2008 com o nome de Charlie Everywhere. Também fizeram o Big Grams, projeto de hip hop com Big Boi, de outro duo, o Outkast – o projeto já rendeu um disco e tem outro a caminho.

Tem muita gente aqui no Brasil que já conhece o som deles por causa do hit mais recente, “You don’t get me high anymore”. E tem quem lembre deles tocando a música no Jimmy Fallon. Olha aí.

O clipe da música é sensacional.

Se você não estiver de saco cheio da música, pega aí essa versão feita pelo Three Days Grace.

Com shows costumeiramente elogiados, o grupo agora está animadíssimo para continuar tocando em festivais – Leeds, Reading e Lollapaloooza estão na agenda. Se forem dar uma receita de sucesso, os dois dizem que o negócio é sair tocando. “Começamos a tocar e crescemos de forma orgânica. Construímos uma base de fãs de maneira natural, não nessa coisa de um buzz de internet que, subitamente, deu em várias pessoas querendo ver o show. Foi gradual, à moda antiga, e temos orgulho disso”, contou Josh Carter à Billboard. O trio de shows do Coachella, claro, foi especial para o grupo, já que o evento parece mais bombado e ligado ao universo pop do que qualquer outro. “Não vimos Kardashians em nenhum outro festival”, contou Sarah no mesmo papo. “Vi uma das irmãs no backstage do nosso show”.

Aproveita e pega outra deles aí, “Same old blues”.