Se você ainda não se deu conta de que mais uma moda maluca está chegando às mãos das crianças de todo o país, seu filho (a)/sobrinho (a)/afilhado (a) fará a maior questão de te mostrar isso em breve. Os spinners, que até bem pouco tempo atrás eram conhecidos apenas como um brinquedo giratório que ajudava a acalmar a ansiedade, viraram mania entre crianças e adolescentes. Entraram para as listas de presentes momentâneos e tornaram-se rapidamente motivos de muito “eu tenho, você não tem” por aí afora.

E, claro, já existem spinners especiais para quem curte rock. Olha aí.

Spinners: e a moda já bateu no rock

O Slayer, banda que sempre fabrica (ou inspira material não-licenciado) objetos de uso pessoal bem interessantes – meias, moletons, etc – obviamente já tem o seu spinner, para os fãs mais estressados. Destacamos esse modelo aqui e esse modelo aqui.

Se você for na Amazon.com e digitar “spinner Metallica“, vai achar uns modelos bem interessantes. Um deles tem impressa a capa do novo disco da banda, “Hardwired… To self destruct”. Curiosamente, está a venda um spinner com a logo da turnê “Damage inc”, 1986. Como os fãs do grupo sabem, foi uma das mais estressantes e conturbadas tours do Metallica. Os integrantes da banda pensavam em demitir o baterista fundador Lars Ulrich ao final dela, e só não o fizeram porque coisa pior aconteceu: o baixista Cliff Burton morreu.

Spinners: e a moda já bateu no rock Spinners: e a moda já bateu no rock

O site Dangerous Minds desencavou alguns spinners especiais para quem curte – ironias das ironias – punk rock. Nem mesmo a anti-comercial ao extremo (e incompreendida até entre punks) banda britânica Crass escapou dessa. Olha aí.

Spinners: e a moda já bateu no rock Spinners: e a moda já bateu no rock

Você compra o spinner do Crass aqui. Alguém não perdeu tempo e já mandou fazer alguns spinners dos Sex Pistols (esse e esse aqui, por exemplo) e, lógico, tem também dos Ramones. O Discharge, outro nome radicalzão do punk, ganhou também o seu. O Minor Threat, banda que foi liderada por um dos músicos mais avessos a qualquer tipo de comercialização (o furioso Ian McKaye) também chegou a ganhar um – e aparentemente já mandou um advogado tirar o produto (evidentemente pirata) de circulação

Você já deve estar pensando: “Poxa, então claro que tem spinner do Iron Maiden“. E você tinha alguma dúvida? Tem com Eddie em tons de azul, o monstrengo como na capa do disco “The book of souls” (2015), etc. E tem também spinner do Aerosmith, do Guns N Roses, e vários modelos do Led Zeppelin – inclusive com as logos das turnês do grupo.

E olha só que legais esses spinners de ninguém menos que David Bowie. Tem com capas de discos clássicos como “Ziggy Stardust” (1972) e “Alladin Sane” (1973) e até um com a capa de “Blackstar” (2016), o último disco.