O filme

Demos outro dia aqui no POP FANTASMA um pequeno clássico do YouTube, “A maldição do controle remoto” – um vídeo caseiro feito nas primeiras horas de 1983 que consiste basicamente num sujeito, morador de São Paulo, zapeando pelos canais paulistanos e gravando tudo o que aparecia. O resultado ia do entediante ao engraçadíssimo (o cara conseguiu pegar até mesmo imagens bizarras do “Programa Barros de Alencar”, com Genival Lacerda no júri dos calouros).

O amigo Felipe Fela Montparnasse, que faz o projeto musical experimental Felappi, chamou a atenção para um detalhe: existe um filme do cineasta Eduardo Coutinho (1933-2014) que segue o mesmo conceito e recentemente foi jogado no YouTube. “Um dia na vida” é uma colagem de trechos de comerciais e programas de televisão aberta gravados por Eduardo e 1º de outubro de 2009. O filme tem trechos de “Chaves” e do “Telecurso”, propagandas governamentais, aparições de José Luiz Datena, Wagner Montes e Ana Maria Braga (a apresentadora do “Mais você” aparece jogando Guitar Hero), debates sobre uso de silicone no bumbum, etc. O original entrava e saía do Youtube e no momento foi retirado pela milionésima vez, a pedido do SBT, que implicou com o uso sem direitos autorais de uma cenas – sobrou só uma versão editada de quinze minutos (contra 1h35 do filme original). Olha aí.


“Um dia na vida” chegou a ser exibido na Mostra de Cinema de São Paulo de 2010, mas claro que seria impossível exibi-lo em circuito comercial, por causa dos direitos da imagens – o que lhe rende o subtítulo, dado por fãs, de “o proibidão do Coutinho”.

DEIXE UMA RESPOSTA