O efeito Woodstock chegou a Toronto, no Canadá, um mês depois da maior “feira de música e arte” do mundo. O Toronto Rock And Roll Festival, que rolou no Varsity Stadium, na Universidade de Toronto, em 13 de setembro de 1969, foi barbada. Na ponta do lápis, teve uma gama de atrações até mais consagradas do que Woodstock. Não teve o futuro ídolo Santana, que despontou em Woodstock. Mas teve um recém-lançado Alice Cooper, causando tumulto por causa do famoso “incidente da galinha” – quando uma penosa foi atirada ao palco durante o show dele e jogada por ele de volta ao público, que destroçou o bicho sem dó.

Teve uma série de nomões dos anos 1950 – que, ok, estavam em baixa na época. Bo Diddley, Gene Vincent, Jerry Lee Lewis (largando o piano e tocando guitarra em alguns números), Little Richard, Chuck Berry… essa turma toda tocou lá. Teve ainda The Doors e os também novatos Chicago e Tony Joe White. E ninguém menos que John Lennon, Yoko Ono e Plastic Ono Band.

E teve também uma série de produtos extraídos do festival, vários deles vendidos até hoje em disco e DVD, como Live peace in Toronto 1969, de Lennon & Yoko (1969), o filme Sweet Toronto, de D.A. Pennebaker, trazendo trechos das apresentações dos roqueiros mais experientes e de John, Yoko e Plastic Ono Band, e também as apresentações individuais de Berry, Little Richard e Lewis, já lançadas em VHS e DVD uma porrada de vezes. A novidade é que alguns desses vídeos estão no YouTube. Pega aí.

Tá aí o show todo de John, Yoko e Plastic Ono Band no festival. A ida do ex-beatle e de sua mulher para lá se mostrou uma aventura BASTANTE estressante, como o produtor Johnny Brower revelou nesse papo com a Noisey. Poucos ingressos haviam sido vendidos e os investidores ameaçavam cair fora. Figurona do rock de Los Angeles, o apresentador do evento, Kim Fowley, sugeriu que Brower ligasse imediatamente para John Lennon, “porque os Beatles gravaram músicas de Little Richard e Chuck Berry, John Lennon adora todos os velhos rock and rollers e você tem Gene Vincent no seu show”. Até tudo rolar, Brower teve que contar com o descrédito de radialistas (fundamentais na promoção do festival) e uma quase desistência do casal em ir ao show.

E teve a apresentação de Alice Cooper, na qual o cantor (que tá vindo aí pro Rock In Rio) destroça uma melancia sem dó e joga penas na plateia. E lá pelo finalzinho joga a tal galinha no público.