O pessoal do canal Squirrel Monkey resolveu imaginar como seria o Tinder se ele existisse nos anos 1980, numa época em que nem havia internet disponível fora de ambientes profissionais ou de inteligência. Molezinha: você preenchia uma ficha (não esqueça de colar uma foto nova!), recebia um disquete, descolava uma expansão de memória e uma linha de modem. Aí esperava, esperava, esperava… e fazia contato com as pessoas da sua região.