A culpa é dele: se você assiste ao Domingão do Faustão hoje na Rede Globo todos os domingos, o apresentador Goulart de Andrade (1933-2016) foi o responsável por tirar Fausto Silva do rádio – com o qual ele estava envolvido desde a adolescência – e levá-lo para a TV Gazeta, em 1984. Tudo aconteceu em janeiro de 1984 quando o jornalista e apresentador foi visitar, fazendo uma reportagem para o seu “Comando da madrugada”, o programa “Balancê”, que Fausto estava apresentando na Rádio Excelsior.

Na época, o programa tinha auditório, várias entrevistas, DJ, dois humoristas (os mesmos Tatá e Escova que Faustão teria como quadro fixo no “Perdidos na noite”, na Gazeta, Record e Bandeirantes) e era transmitido de um estúdio montado na Palhaçaria Pimpão, em Santa Cecília São Paulo. E com o sucesso da atração – que tinha sido iniciada alguns anos antes pelo jornalista esportivo Osmar Santos, tendo Faustão como repórter especial – era preciso chegar cedo para arrumar lugar no auditório.

Goulart de Andrade gostou tanto do resultado que sugeriu a Fausto Silva que levasse o programa para a TV Gazeta, e acabou dirigindo o programa. Inicialmente não deu muito certo: o auditório do “Perdidos na noite” ficou vazio na primeira noite. Na segunda, recebeu apenas moradores de rua. Olha aí o próprio Goulart de Andrade explicando a história para ninguém menos que Luciana Gimenez.