Tá pensando que é só o Rodrigo Hilbert que entende de trabalhos manuais? A cantora e ex – competidora do American Idol, Frenchie Davis, andava de metrô em Nova York no fim de novembro quando deparou com um cara tricotando, sentado no vagão. Ela tirou uma foto dele e compartilhou no Facebook. É esse cara aí de baixo.

Frenchie só divulgou a foto e sequer perguntou o nome do sujeito. Que se chama Louis Boria e tem um serviço personalizado de tricô, BrookylnBoyKnits.com. Um amigo de Louis viu o post de Frenchie e pôs lá o link para o site dele. O resultado é que ele começou a ter mais pedidos – pela primeira vez em dez anos! – e já está contratando duas pessoas para ajudá-lo a tricotar, já que a demanda aumentou. Nada ruim para uma história que começou de repente, com Boria sonhando que estava tricotando (!) e acordando como se mexesse em agulhas de tricô imaginárias.

No momento, Louis faz tudo sozinho, tricota no metrô porque é quando tem tempo. Num papo com o NY Daily News, ele disse que começou a desenvolver as habilidades vendo vídeos no YouTube, depois de tentar com livros (“sou um cara mais visual”). Ele costuma costurar peças para pessoas sem-teto e sonha em se sustentar sozinho com o tricô. Também deu peças para um leião em favor de vítimas de furacões em Porto Rico. E quando Frenchie viu seu nome, decidiu dar crédito direito no Facebook, revelando também que ele irá aparecer num documentário sobre homens que fazem tricô.